Erros sobre a religião

[Por: Henry Scougal]

“Não posso falar de religião sem lamentar que, entre os que têm a pretensão de segui-la, são poucos os que entendem o seu significado. Alguns a situam no seu intelecto, enfeixando-a em ideias e opiniões ortodoxas. Tudo o que estes podem dizer da sua religião é que eles têm esta ou aquela convicção e que se uniram a uma das muitas denominações em que infelizmente a cristandade se dividiu.

Outros a colocam no homem exterior, seguindo um constante curso de deveres externos e um modelo de realizações. Visto que vivem pacificamente com seus próximos, obedecem a um regime moderado, observam os períodos de adoração, frequentam a igreja ou seu local de retiro privado e às vezes estendem suas mãos para socorrer aos pobres, eles julgam que com isso ficaram quites com as exigências da religião.”

Henry Scougal – The Life of God in the Soul of Man – (publicado com o título “A Vida de Deus na alma do homem” – PES – p.36)