Sobre o anticristo

[Por: David Dickson]

Comentário da Confissão de Fé de Westminster
Capítulo 25 – Da Igreja
Pergunta 9

“…É o Papa aquele Anticristo, aquele homem do pecado e filho da perdição que se exalta na igreja de Deus contra Cristo e tudo que se chama Deus?

Sim. (2T 2:3-4; 8-9Ap 13:6Mt 23:8-10).

Ainda que isto seja negado pela Igreja de Roma, a verdadeira descrição do Anticristo concorda com ele.

1. Porque ele não é apenas um homem, mas uma ordem e uma raça de homens, sucedendo um ao outro no mesmo estado e ofício; que você verá comparando 1Jo 4:3 e 2Ts 2:7,8juntos.
2. Sua vinda é de acordo com a maneira de Satanás (2Ts 2:9).
3. Quanto ao seu nome, ele se autodenomina um Cristão, mas na verdade [ele é] um adversário de Cristo; e, por conseqüência, um que nega que Jesus é o Cristo (Ap 17:14;19:192Ts 2:81Jo 2:23).
4. Ele se senta no templo de Deus como Deus (2Ts 2:4).
5. Ele governa na grande cidade e exercita domínio sobre os reis da terra.
6. Ele engana aqueles que moram na terra com prodígios e milagres de mentira (2Ts 2:9;Ap 13:14-15).
7. Ele faz com que todos os tipos de pessoas recebam sua marca em na mão direita, ou em suas testas (Ap 13:16,17).
8. Para que concorde com o que diz Paulo: “E agora vós bem sabeis o que o detém (a saber, o imperador Romano) para que a seu próprio tempo seja manifestado” (2Ts 2:6,7).”…

David Dickson – Thuth’s Victory Over The Error, A commentary on the Westminster Confession of Faith , p.211.

Tradução: Joelson Galvão

Outras obras AQUI